sexta-feira, 26 de abril de 2013

Menina de 10 anos está grávida do padrasto


Um gari, identificado como Antônio Wellington de Oliveira Matos, 33, foi preso, na manhã de ontem, no Parque Potira, em Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza), acusado de abusar sexualmente de sua enteada, uma criança de 10 anos. A menina vítima dos abusos está grávida de sete meses, do padrasto.

O gari foi preso e revelou que abusava da menina há um ano. A mãe da garota declarou na Dececa que de nada sabia.

De acordo com a delegada Ivana Timbó, titular da Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dececa), a mãe da menina disse não ter percebido os abusos nem a gravidez da filha. “Uma líder comunitária viu a barriga protuberante da criança e a levou a um posto de saúde. Lá, a gravidez foi constatada e a assistente social trouxe a menina até a Dececa”, afirmou a delegada. 

Ainda segundo Ivana Timbó, o padrasto assumiu o crime. Os abusos sexuais aconteciam desde que a criança tinha 9 anos, sempre quando a mãe ia trabalhar. O gari foi autuado em flagrante delito pelo crime de estupro de vulnerável.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Abrir Rodape